28 de setembro de 2007

Evita resmungar.

7 comentários:

Daniel disse...

Desde o final do mês de Junho que fiquei sem possibilidades sem fazer nenhum artigo. Agora visto já ter Internet (ALELUIA), posso retornar a fazer o que gosto.
Desde já agradeço todas as visitas feitas ao meu blog (Biblos) e espero que retornem periodicamente.

danielaurelio.blogspot.com

Putty Cat disse...

Acho isso, extremamente difícil.

a-bordo disse...

putty: não é fácil e é a diferença entre o emperrar e o fluir; daqui o esforça-te... beijo

Vítor Mácula disse...

até porque de algum modo, resmungar não requer esforço; é a modos (esses mesmo;) que espontâneo

de modo que daí mesmo a dificuldade

quanto ao desejo de não resmungar, é curioso, como se a nossa autenticidade não se desse na estrita espontaneidade, mas requisesse o esforço para algo que com esta se relacione

de modo que curiosamente a falta de clareza, de lucidez

abraço, Fernando

JOINCANTO disse...

Para um protestante como eu é pedir demasiado...lol

a-bordo disse...

vitor: comentário pertinente; obrigado!

a-bordo disse...

jorge :)