21 de fevereiro de 2004

Ela: achas mesmo que eu sou assim!?
Eu: acho.
Ela: que linda imagem de mim!
Eu: o que posso fazer?
Ela: o que podes fazer!?
Eu: sim o que posso fazer!?
Ela: com quem então beijoqueira!?
Eu: não tem mal!
Ela: não tem mal!?
Eu: não há nada!
Ela: nada!?
Eu: só mostras entusiasmo!
Ela: só porque beijei um amigo!
Eu: que mal tem!?
Ela: que mal poderia ter!?
Calamo-nos.
Eu: afinal o que é que se passa contigo?
Ela: não sei. De facto, não sei.
Eu: